Publicidade

DE CAMAROTE

Por Hércules Dias

Coluna

17/01/20 08:16 | Atualizado em: 17/01/20 10:35

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Cinthia é a legitimidade do PSDB tocantinense!

A campanha nem começou e Cinthia, já tendo que apagar fogo interno no partido


O governador de São Paulo,  João Dória,  costuma dizer que a satisfação política, é a mesma satisfação pessoal, ou seja, valorizar as pessoas ao seu redor e criar laços de confiança no ambiente doméstico e de trabalho. Confiança gera credibilidade.

João Dória é um dos defensores da candidatura da prefeita Cinthia Ribeiro à reeleição em Palmas. Esta observação sobre a simpatia de Dória à candidatura de Cinthia,  surgiu depois do ex-senador Ataídes Oliveira e a deputada Luana Ribeiro, anunciarem que um dos dois seria o candidato à prefeitura da Capital pelo PSDB, partido da prefeita, negando a legitimidade da atual chefe do executivo palmense.
 
Os dirigentes nacionais da sigla não pensam assim, pois Cinthia é a própria legitimidade do PSDB. A campanha nem começou ainda e Cinthia, já tendo que apagar fogo interno no partido, ao invés de se  preparar para o embate com os adversário. O antecessor da prefeita, Carlos Amastha, por exemplo, não esconde o desejo de derrotar sumariamente sua ex-pupila (vale lembrar que Cinthia Ribeiro entrou na política como candidata a vice-prefeita na chapa encabeçada pelo colombiano).

Na verdade Cinthia Ribeiro está no páreo, como também estão Wanderley Barbosa, Raul Filho e outros nomes que por ventura poderão surgir para disputar a prefeitura da jovem capital. Quem viver, verá! (Hércules Dias)


16/01/20 10:44 | Atualizado em: 16/01/20 11:03

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Maioria deixa o Diretório do PSB de Palmas; Podemos é o destino

Nomes importantes "que construíram a identidade do PSB palmense"


O pré-candidato a prefeito de Palmas, o ex-reitor da UFT (Universidade Federal do Tocantins) Alan Barbiero não é o único a sair do PSB e ir para o Podemos, de Ronaldo Dimas. Também deixam a sigla socialista indo para o Podemos um grupo formulador de políticas e estratégias que coordenou os planos de governo nas campanhas de Carlos Amastha em 2016 a prefeito de Palmas e em 2018 a governador. São nomes importantes "que construíram a identidade do PSB palmense", dirigentes e pré-candidatos a vereador.  

EIS A LISTA
Neilton Araújo. Doutor, foi vice-presidente do PSB do Tocantins, secretário de Saúde de Palmas, coordenador da implantação do curso de Medicina da UFT. Colaborou no Ministério da Saúde para conseguir recursos para a saúde de Palmas.
 
WALDECY RODRIGUES

Além de Waldecy Rodrigues (foto) doutor em Economia. Pesquisador e analista econômico sobre o Tocantins. Implantou e coordenou o mestrado e doutorado em Desenvolvimento Regional da UFT. Esteve à frente da formulação do Plano de Governo da reeleição de Amastha em 2016 e do Plano de Governo Estadual em 2018. Integrou a Direção Estadual do PSB. 

AINDA
Aurélio Picanço. Doutor em Meio ambiente e Saneamento. Foi membro da Direção Estadual do PSB do Tocantins. Diretor eleito da UFT, Campus de Palmas, por dois mandatos. Colaborador do Plano de Governo, PSB 40 em 2018. Pré-candidato a Vereador
George França. Doutor em Educação. Foi Pró-Reitor de Extensão e Cultura da UFT. Diretor eleito da UFT, Campus de Porto Nacional, por dois mandatos. Colaborou com Plano de Governo PSB 40 em 2018.Membros do Diretório Metropolitano de Palmas deixam o PSB e vão para o PodemosVice-presidente Eliane Soares. Pré-candidata a vereadoraPrimeiro-secretário Tomaz de Aquino. Pré-candidato a vereadorSecretário de Assuntos Institucionais Lázaro Gomes. Pré-candidato a vereadorSecretária de Mobilização Kalene Cardoso. Pré-candidata a vereadoraSecretário de Finanças Hider CordeiroSecretário de Formação Política Murilo MarcolinoSecretário de Política Agrária Zezuca PereiraConselho Fiscal Antônio Santos. Pré-candidato a vereador



16/01/20 09:36 | Atualizado em: 16/01/20 10:29

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Hudson reúne colegas para apresentar pretensão de candidatura


O pré-candidato à prefeitura de Palmas, delegado Hudson,  se reuniu na noite desta quarta-feira com os colegas delegados, quando comunicou  a pretensão de disputar a cadeira de prefeito da capital.

"Apresentei minhas ideias mostrando que é através da política que temos a oportunidade de mostrar a sociedade que é possível melhorar a qualidade de vida da população, fazendo gestão com zelo, responsabilidade, planejamento, transparência e não utilizando o cargo para benefício próprio ou de determinados grupos".

Segundo o delegado Hudson, a  reunião foi extremamente satisfatória. Os delegados ficaram contentes com minha disposição em buscar esse espaço político."Fiquei feliz com a receptividade dos colegas de função e agradeço a todos pelo apoio à minha decisão politica"


16/01/20 08:19 | Atualizado em: 16/01/20 10:21

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Milton Néris: a prefeitura hoje tem dificuldade até com a Folha


O vereador Milton Neris reiterou nas redes sociais que não deixou o Progressistas por causa do vice-governador Wanderley Barbosa. Isso já é página virada. DE CAMAROTE conversou agora a pouco, demoradamente, com  o vereador Milton Neris sobre sua decisão de disputar a sucessão de Cinthia Ribeiro.

Ele disse que depois de três mandatos de vereador, chegou o momento, "e para tanto me sinto preparado para o embate" disse ele; de alçar voos mais altos.

"Ao longo desses anos todos convivendo passo a passo, dia a dia com o povo palmense, cheguei a conclusão que poderia fazer mais por esta cidade que sempre esteve ao meu lado quando dividia com ela meu sonho de transformá-la numa cidade mais humana e desenvolvida".

Na oportunidade, Milton Neris, disse também que ainda não definiu o partido ao qual se filiará. "Estou analisando todos àqueles que se aproximam do meu perfil político-social" disse. Teremos tempo, pois a "janela partidária" se dará no dia 31 de março.

Finalizando, o pré-candidato reiterou à DE CAMAROTE,  que um dos grandes desafios do novo mandatário de Palmas, será resolver a dependência de fazer a Folha de Pagamento. Sempre uma dificuldade! Uma preocupação enorme, com certeza. Folha alta engessa uma administração! Quem viver, verá! (Hércules Dias)


15/01/20 15:00 | Atualizado em: 16/01/20 10:11

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Aficionados comparam Raul Filho como "Fênix"


SOBEJAMENTE CONFIANTES

Os apaixonados pela candidatura de  Raul Filho, estão em estado de graça, acreditando sobejamente numa grande vitória do ex-prefeito.

FÊNIX

Um deles chegou a sugestionar que ao nome político dele seja acrescentado a palavra Fênix: Raul "Fênix" Lustosa Filho.

Aficionados pela performance do ex-mandatário palmense têm a certeza de seu triunfo. 

 VIDENTES

"Raul Filho tomará posse pela terceira vez como prefeito de Palmas no dia 1° de janeiro de 2021" preveem! 


15/01/20 09:44 | Atualizado em: 15/01/20 09:16

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Prévia no PSDB: Luana, Cínthia, Ataídes ou "quem"?


Pelo visto, O PSDB é o partido com o maior número de pretendentes à disputa da prefeitura de Palmas, nas eleições de outubro próximo.

Segundo informações, a deputada Luana Ribeiro tem pretensões de disputar à sucessão de Cínthia Ribeiro,  além do próprio presidente estadual do partido, ex-senador Ataídes Oliveira e, logicamente da atual chefe do executivo palmense, que não abre mão da sigla.

Não gosto de trabalhar com pessoas "sem nome", mas um amigo meu aqui de Palmas, me falou de uma quarta via: Um empresário filiado ao PSDB que manifestou a intenção de disputar a prefeitura da capital. Quem, quem? Quem viver, verá! (Hércules Dias)


15/01/20 07:32 | Atualizado em: 15/01/20 09:22

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Denuncismo é coisa dos fracos. Os fortes usam o voto!

O povo tem a escolha de votar em quem achar conveniente. E aí, se o eleitor estiver descontente, vote contra, sem denuncismo e sem chorumelas!


A palavra denuncismo não existe no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, mas muitos certamente a conhecem (e o pior, colocam-na em uso), tornando-a cada vez mais presente, pulsante e atuante no dia a dia do convívio em sociedade, principalmente quando se aproxima as eleições.

Pessoas são usadas (ou às vezes compradas) no denuncismo desvairado. É tão nojento essa prática, que o povo cansou dessas tramoias manjadas!

O sucesso da família Barbosa, por exemplo, nas pessoas do vice-governador  Wanderley, do deputado Léo e do vereador Marilon, hoje, inclusive, ocupando a presidência do legislativo palmense, não veio de uma hora para outra. Tem uma história. Está onde está, porque alguém a colocou lá. Através do voto, legitimamente!

E isso não há o que negar! O povo tem a escolha de votar em quem achar conveniente, está na Constituição e mais uma vez esse instrumento democrático mostrará sua força, no próximo mês de outubro, nas eleições municipais em todo o país. E aí, se o eleitor estiver descontente, vote contra, sem denuncismo e sem chorumelas!
Quem vive, verá! (Hércules Dias)


12/01/20 18:58 | Atualizado em: 13/01/20 11:20

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Pesquisa do Procon de Palmas propõe orientar pais de alunos

Hércules Dias, editor do PORTAL STYLO aplaude a iniciativa do Procon palmense e ao mesmo tempo cobra uma posição da Ministério da Educação no


Aumenta as reclamações de pais e responsáveis por alunos da rede estadual e particular de Palmas em relação às exigência das escolas numa lista extensa de materiais exigidos logo no início do ano letivo. O Procon Municipal esteve visitando esses estabelecimentos no sentido de divulgar os preços comercializados por cada um deles.

O Procon pesquisou os preços dos itens que compõem a lista de material escolar no comércio da Capital (papelarias, livrarias, supermercados e outros).
O objetivo da pesquisa é comparação  dos preços, entre os estabelecimentos que vendem produtos escolares, dos itens mais pedidos pelos colégios nas listas.

O jornalista Hércules Dias, editor do PORTAL STYLO aplaude a iniciativa do Procon palmense e ao mesmo tempo cobra uma posição da Secretaria de Educação do município, no sentido de uma inspeção nas escolas particulares de Palmas, para apurar a veracidade das reclamações dos pais de alunos.

Sobre a pesquisa,  superintendente de Defesa do Consumidor do Procon Municipal de Palmas, Valéria Morais, orienta que é importante comparar os preços entre os estabelecimentos na hora de efetuar a compra.

“A pesquisa que é feita pelo órgão tem como finalidade orientar os pais sobre os estabelecimentos mais baratos e fazer com que tenham noção de quanto irão gastar e de quanto poderão economizar nesse início de ano”, informou.De acordo com o secretário-executivo de Defesa do Consumidor, Dulcélio Stival, a ideia é auxiliar as famílias no momento da compra do material escolar.

“Queremos que os pais iniciem o ano letivo economizando. É importante que fiquem atentos aos preços e aos descontos oferecidos para pagamento à vista”, enfatizou.


11/01/20 09:42 | Atualizado em: 13/01/20 11:15

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Esgotamento sanitário: Continua o impasse sobre redução de tarifa

Cinthia não quis se comprometer, mas Marilon promulgou Lei sobre redução do valor da tarifa, que seria de competência da agência estadual


O impasse entre o executivo palmense, a Câmara Municipal e a BRK Ambiental, em relação a Lei que dispõe sobre a redução do valor da tarifa de esgotamento sanitário, residencial, comercial e órgãos públicos, continua.

CINTHIA NÃO SANCIONOU, MARILON PROMULGOU

A prefeita Cinthia Ribeiro não sancionou a Lei, que foi promulgada pelo presidente do legislativo, vereador Marilon Barbosa.Mesmo com depoimentos, na mídia tocantinense, de especialistas no assunto sobre a conformidade da legislação de competência da agência reguladora estadual, a polêmica persiste!

POSIÇÃO DA BRK

“A BRK Ambiental esclarece que a tarifa pelos serviços de água e esgoto é definida por agência reguladora estadual, conforme a legislação e contratos vigentes" ressalta a empresa em nota distribuídas à imprensa. Pelo visto vai acabar nos tribunais. Quem viver, verá! (Hércules Dias)




10/01/20 10:16 | Atualizado em: 10/01/20 10:26

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

MP também aumenta vale-alimentação para R$ 1,7 mil


Confesso aos milhares de leitores do PORTAL STYLO que às vezes o insucesso do povo brasileiro me desanima, mas como jornalista, como formador de opinião, quando me lembro do poeta e pintor inglês William Blake, que já dizia que "quando a imprensa não fala, o povo é que não fala. Não se cala a imprensa. Cala-se o povo. 

O presidente da República, através de Medida  Provisória, aumentou o salário mínimo do trabalhador brasileiro, para R$  1.039,00 a partir do primeiro dia de janeiro deste ano, para pagamento no início de fevereiro. Agora, pasmem! Notícia veiculada pela imprensa tocantinense nos deixa a todos perplexos. 

ACOMPANHAR O TJ

"Após o Tribunal de Justiça do Tocantins decidir aumentar o valor do auxílio-alimentação concedido aos servidores do Poder Judiciário no estado para R$ 1,7 mil, o Ministério Público Estadual resolveu acompanhar a medida. Uma ato da procuradora-geral de Justiça, Maria Cotinha Bezerra Pereira, foi publicado no diário oficial desta quinta-feira, 9, com a decisão de conceder o "beneficio" aos 400 servidores ativos e mais outros 111 membros!

ESTUPEFATO

A indignação maior do assalariado brasileiro é saber que quem paga todas essas mordomias, é o próprio povo sofrido deste nosso país! Falar o quê, fazer o quê? Apelar para quem? Para nossos representantes no Congresso Nacional, talvez! Quem viver, ... será que vai ver? (Hércules Dias)


08/01/20 16:14 | Atualizado em: 08/01/20 17:56

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Senador vai traçar estratégias para um 2020 vitorioso


Na próxima quarta-feira, 15, o senador tocantinense, Eduardo Gomes, líder do governo no Congresso Nacional estará em Palmas. O parlamentar, que teve um ano de 2019 de muita movimentação e prestígio, constituindo num dos grandes nomes da política do país, inclusive cotado para integrar chapas majoritárias nas próximas eleições presidenciais.  Astuto e articulador, Gomes vai aproveitar a estada na Capital para começar a construir a "agenda política com os companheiros" visando as disputas municipais de outubro. Quem viver, verá! (Hércules Dias)


06/01/20 07:30 | Atualizado em: 06/01/20 11:42

ELEIÇÕES 2022

Sucessão de Bolsonaro, passa pelo DEM e Flávio Dino é consenso


Para o comentarista político e editor do PORTAL STYLO, jornalista Hércules Dias, "a premissa é que o tempo passa rápido. Aliás, o tempo voa, e logo 2022 vai pedir licença para entrar. Pelo visto o presidente Jair Bolsonaro terá novos adversários no próximo pleito, caso querira se canadidatar à reeleição!"

DEMOCRATAS SE FORTALECERAM

O DEM, por exemplo,  quer fortalecer o nome da legenda nas eleições de outubro, e tentar controlar prefeituras de cidades grandes e capitais para se capitalizar eleitoralmente para 2022. “Queremos independência e autonomia e não sermos meros coadjuvantes, mas protagonistas do processo eleitoral”, afirma o deputado federal Efraim Filho (DEM-PB).
“O partido tem experimentado sua melhor fase de crescimento dos últimos anos. Chegamos a 2020 com envergadura política bastante fortalecida. Afinal, hoje contamos com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (RJ), e do Senado (AP), Davi Alcolumbre. Além disso, temos prefeitos em capitais, como o ACM Neto, em Salvador (BA); e fizemos as filiações de Gean Loureiro, em Florianópolis (SC); e de Rafael Greca, em Curitiba (PR). A pretensão é aumentar o número de capitais em 2020.
Para nós, isso é visto como um degrau para as eleições presidenciais”, detalha.
 
RONALDO CAIADO

Apesar de não haver nenhuma sinalização concreta por parte dos políticos filiados à sigla, Efraim Filho acredita que a escolha do eventual presidenciável do DEM ficaria entre Maia, ACM Neto e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado. “Tudo vai depender da conjuntura futura. Mas é certo que esses nomes fizeram o DEM ficar extremamente fortalecido e reconhecido na opinião pública”, frisa. 
A construção de alianças, no entanto, não está descartada e é algo considerado “natural”. O parlamentar disse que as parcerias podem ser feitas com partidos de centro-direita, como o PSDB e o PL, ou de esquerda mais moderada, como o PSB e o PDT, ao qual é filiado o ex-candidato ao Planalto em 2018, Ciro Gomes. “São possibilidades remotas e ainda é cedo para cravar. Entretanto, o que é certo é que queremos priorizar os nomes internos”, diz o deputado. 

EX-ALIADO

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), também está no páreo e poderá enfrentar o ex-aliado — e agora inimigo — nas urnas, caso Jair Bolsonaro confirme sua candidatura à reeleição. O governador, que está no PSC, trabalha para a fusão da legenda com o PSL, partido pelo qual o presidente se elegeu. Com isso, Witzel teria mais tempo de TV e acesso aos recursos do fundo partidário.
O governador rompeu com a família Bolsonaro no ano passado depois da notícia, divulgada pelo Jornal Nacional, de que o nome do presidente foi mencionado por um porteiro do condomínio onde ele morava, no Rio, durante as investigações sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco, em março de 2018, e acabou antagonizando fortemente com o senador Flávio Bolsonaro (PLS-RJ), antigo parceiro de palanque.

DESGASTES

O problema é que Witzel tem dificuldades para bater de frente com o chefe do Executivo federal, já que o Rio enfrenta uma de suas piores crises fiscais e está inserido no Regime de Recuperação Fiscal (RRF) do governo federal. O estado pretende renovar a ajuda da União em setembro por mais três anos. Mesmo assim, o governador tem acusado Bolsonaro de ser muito ideológico. 
Embora Witzel dispute com Bolsonaro a base eleitoral da segurança pública, seu governo enfrenta o desgaste de ter o número recorde de mortes provocadas pela polícia, considerada uma das mais corruptas e violentas do país. 

FLÁVIO DINO, O NOME

Em meio às negociações políticas, na semana, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), se encontrou com o apresentador de TV e presidenciável Luciano Huck, no Rio de Janeiro. A reunião não foi bem-vista por parte do PT, e o vice-presidente nacional da legenda, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), usou as redes sociais para dizer que, “com Lula ou com Haddad, Flávio Dino estará na nossa chapa nas próximas eleições presidenciais”.
No entanto, isso não está concretizado. Nem a presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), nem integrantes do PC do B confirmam uma eventual coalizão. “A lembrança, obviamente, é honrosa. Mas não traduz acerto ou tratativa real para o Dino ocupar uma chapa ou outra, até porque o seu nome também é cogitado para ser cabeça de chapa. O debate iniciado sobre ele ser vice do Huck, do Haddad ou do Lula é próprio deste momento especulatório”, comenta o deputado Márcio Jerry (PC do B-MA).
De acordo com o parlamentar, há uma vontade do partido, mesmo que ainda não proclamada publicamente, de ajudar na composição de uma frente ampla no Brasil, em defesa da democracia, para enfrentar o “conservadorismo” e ser capaz de criar um ambiente político forte para vencer eleições de 2022. 

QUEM VIVER VERÁ

“O Dino tem sido um dos porta-vozes dessa tese. Talvez por isso ele tenha assumido um papel de importância na cena da política nacional. É natural que se especule o seu nome e, para nós, é motivo de orgulho. Mas não podemos colocar o carro na frente dos bois. O debate em torno do nome é a última etapa do processo da articulação política”, destaca Jerry. 

(Com informações MSN Notícias)


03/01/20 07:19 | Atualizado em: 03/01/20 16:43

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

O eleitor não tolera mais a arrogância de políticos


Estou deveras preocupado com a arrogância nas eleições de outubro próximo, principalmente e, particularmente, na capital. Alguns políticos insistem na empáfia para, ardilosamente, obter votos de seus "correligionários" na tentativa de consolidar seus objetivos de vitória nas urnas. Trata-se aí de uma forma exacerbada da verdadeira politica da dominação.
Abraham Lincoln, um dos mais importantes presidentes dos Estados Unidos, já dizia:  “Para você que está chegando agora, criticando o que está feito, deveria estar aqui na hora de fazer. Não sejas um especialista em usar a crítica ao que está feito como pretexto para nada fazer".
A política moderna demanda gestões eficientes e não aceita que o poder público seja utilizado para fins pessoais.
O eleitor não tolera mais a arrogância de governantes que se julgam acima dos demais cidadãos. Chegou o momento do cidadão, do eleitor tocantinense, conhecer o seu candidato, as intenções dele, e, o que é mais importante, as suas reações, seu comportamento. Pesquise a vida de cada pretenso candidato a prefeito de Palmas. O que ele foi e o que ele é, porque daí você terá a noção de quem ele poderá ser.
Procure saber se ele tem alguma profissão, se já "trabalhou" alguma vez, ou se ele sempre foi político.
Tem gente que desde quando chegou para o novo estado, ou para a nova capital,  sempre exerceu "cargo de confiança". Ao contrário do  ditado espanhol que diz "Si hay Gobierno, soy contra", por aqui os profissionais da política dizem (e ajem!) "Se há governo, sou a favor!"  Quem viver, verá! (Hércules Dias)



02/01/20 10:09 | Atualizado em: 02/01/20 10:38

DE CAMAROTE (HÉRCULES DIAS)

Pagamento do funcionalismo público estará na conta ainda hoje

A folha inclui o 13° dos servidores aniversariantes do mês de dezembro e também um residual dos funcionários que mudaram de função no decorrer do ano


Cumprindo religiosamente a promessa de quitar a Folha de Pagamento  sempre no primeiro dia útil de cada mês, os salários de dezembro dos funcionários públicos estaduais serão creditados nas contas dos servidores ainda hoje, quinta-feira, 02, segundo informações do secretário de Comunicação, jornalista Élcio Mendes em contato agora com a coluna DE CAMAROTE. "A folha inclui o 13° dos servidores aniversariantes do mês de dezembro e também um residual dos funcionários que mudaram de função no decorrer do ano ou ingressaram no Estado após completarem aniversário" esclareceu. Serão aproximadamente R$ 200 milhões injetados na economia do Estado neste inicio de ano! Quem viver, verá! (Hércules Dias)


26/12/19 09:31 | Atualizado em: 26/12/19 15:42

DE CAMAROTE

Quem será a bola da vez em 2020? Os tolos acham que o poder é eterno


Pedro Ludovico Teixeira já dizia que política é a arte de conciliar. Concordo plenamente. Não existe inimigo político e sim adversários passageiros. O mesmo pensava o ex-presidente da República, Juscelino Kubitscheck .
MINEIRIDADE
 JK representaria a essência do "político mineiro", habilidoso, conciliador, articulador capaz de aparar arestas e conviver com adversários que via como potenciais aliados. Não resta dúvida de que a construção da mineiridade revelou-se eficaz ao projetar o mineiro como elemento indispensável no concerto político nacional. 
NA CONTRAMÃO DA HISTÓRIA
Aqui no Tocantins, na contramão da história, ainda existem aqueles que insistem em desagregar, enciumados daquilo que não é sua propriedade. Os tolos acham que o poder é eterno! 2020 promete sacudir o mundo político tocantinense, oportunidade para "passar a história politica do Tocantins a limpo" . A ocasião mostrará a cara de todos, sem máscaras ou maquiagem.
PERSONAGENS
Neste tabuleiro político, a história vai dar chance para Mauro Carlesse, Wanderlei Barbosa, Antônio Andrade, Eduardo Gomes, Raul Filho, Kátia Abreu, Cinthia Ribeiro, Delegado Hudson, Carlos Amastha, para escrever seus nomes na história positiva de um estado que preciso dar uma satisfação ao país. As oportunidades aparecerão e os astutos também! Quem viver, verá! (Hércules Dias)


23/12/19 08:53 | Atualizado em: 23/12/19 10:39

DE CAMAROTE

Vergonha! Usando o nome de Deus em suas maracutáias


Destaque no Fantástico deste domingo, 22, da Rede Globo de Televisão, o nome do nosso Tocantins foi mais uma vez enxovalhado por elementos oportunistas, sem compromisso com o estado, e por isso mesmo, nem um pouco preocupados com a repercussão negativa em todo o país, com possíveis prejuízos incalculáveis!
"Senhor, tenho estado inquieta com as obras", "Nos ajude a concluir o que começamos" e "Não permita que meu esposo seja envergonhado, envolvido em escândalo" eram algumas das frases que foram encontradas em um caderno apreendido pela Polícia Civil em uma operação contra corruptos em Palmas, no Tocantins. O esquema envolvia fraudes em pavimentação de asfalto e reformas em órgãos públicos do estado.
O caderno em questão estava na casa de Geraldo Pereira da Silva Filho, ex-superintendente de operação e conservação da Agência Tocantinense de Transporte e Obras. Segunda as investigações, o caderno é da mulher dele, Rosivânia. 
E vai ficar por isso mesmo? Quem viver, verá! (Hércules Dias)