ARAGUAÍNA

MPE denuncia médica por homicídio culposo em acidente de trânsito

09/11/18 14:25 | Atualizado em: 09/11/18 17:07

 Ministério Público Estadual (MPE), por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Araguaína, denunciou a médica Lívia Fernandes Cruz pela prática de homicídio culposo no acidente de trânsito que vitimou Cleudilene Sousa Bezerra. O crime ocorreu no dia 20 de setembro, no cruzamento entre a avenida Castelo Branco e a rua Rui Barbosa, em Araguaína.

De acordo com o Promotor de Justiça Leonardo Gouveia Olhe Blanck, Lívia Cruz iniciou o processo de transposição de faixa seguido de conversão sem observar que Cleudilene já estava ultrapassando pela esquerda. Como consequência, a vítima, que conduzia uma motocicleta, foi atingida e caiu na pista, sendo arrastada pelo veículo de Lívia até acabar imprensada na barra de proteção existente na calçada, local onde foi a óbito, conforme consta no lauto necroscópico.

O MPE denunciou Lívia Fernandes Cruz como incursa no artigo 302 do Código de Trânsito Brasileiro (homicídio culposo na direção de veículo automotor), com pena prevista de dois a quatro anos de reclusão, além de suspensão ou proibição de dirigir.