CULTURA

Documentário 'Luz, Câmera, Extensão!’ será lançado nesta terça-feira, 28, no Cine Cultura

28/06/22 17:26:46 | Atualizado em: 28/06/22 17:26:46

O documentário ‘Luz, Câmera, Extensão!’, produzido por estudantes do 1º período do curso de Pedagogia do Câmpus Palmas, da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), será lançado nesta terça-feira, 28, às 19 horas, no Cine Cultura no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho. O objetivo é socializar com a comunidade as ações de extensão desenvolvidas pelos estudantes de Pedagogia da disciplina de extensão ‘Política das Relações Étnico-raciais Afro-brasileira, Africana e Indígena’.

O público-alvo é a comunidade interna da Unitins e externa, de todas as idades, com foco em estudantes de licenciatura e professores extensionistas ou de disciplinas de extensão. A entrada é gratuita, sendo obrigatória apresentação de comprovante vacinal, e também, necessário o uso de máscara.

A disciplina curricular de extensão é de caráter obrigatório aos estudantes regularmente matriculados no 1º período do curso de Pedagogia do Câmpus Palmas. O Projeto Político Pedagógico do curso destina 10% da carga horária geral das unidades curriculares a ações de extensão promovidas em benefício da comunidade.

“A disciplina teve como ação desenvolvida a produção audiovisual de um documentário que abordou a temática étnico-racial amparados pela lei Nº 11.645/08 referente à obrigatoriedade do ensino de história e cultura afro-brasileira, africana e indígena no ensino básico, com objetivo de desnaturalizar interpretações discriminatórias presentes na estrutura social brasileira, a ter como público-alvo crianças de escola pública escolhidas pelos próprios estudantes agentes da ação e com base em suas realidades e pertencimento locais”, explicou a professora Rafaela Vidal.

“Esse caráter extensionista se refere a uma das bases de atuação de uma universidade. Uma universidade deve atuar pensando no ensino, na pesquisa e na extensão, e essa extensão significa uma extensão da universidade em si, onde ela deve sair da sala de aula e ir para a sociedade. Então, isso é a disciplina de extensão: o que os estudantes aprendem em sala de aula devem aplicar na sociedade, de algum modo, e o nosso modo é através do audiovisual, de um filme documentário”, ressaltou Rafaela.